top of page

ANPC SE REÚNE COM CONSULTORES DA APEX E ESTABELECE PARCERIA PARA CAPACITAÇÃO DE PRODUTORES NA EXPORT

08 DE SETEMBRO DE 2022





Com o objetivo de ampliar o contato com o universo do agronegócio e fortalecer as bases de entendimento sobre os avanços adotados por culturas cultivadas em território nacional e internacional, a ANPC-Associação Nacional de Produtores de Cacau, esteve, no último dia 11 de agosto, em Fortaleza/CE para o FENACOCO- Feira Nacional do Coco, realizada entre os dias 10 e 12 de agosto. Uma feira que está em sua nona edição e que foi criada para estudar, discutir e promover o fomento da cadeia produtiva do coco.

O evento, que contou com a presença de produtores rurais do Brasil, também destacou a importância da exportação do coco e sinalizou a abertura comercial que os produtos nacionais possuem junto ao mercado internacional.

Informações que atraiam a atenção da Presidente da ANPC, Vanuza Barroso, que vem construindo bases e diálogos para levar aos associados um olhar mais atento e perspicaz ao comércio internacional do cacau, “Ampliar as informações sobre as possibilidades de exportação e os melhores métodos de se expandir a produção de forma sustentável e exitosa aos cacauicultores é o que nos trouxe aqui para o FENACOCO, pois entendemos que quando falamos de produção agro, todas as culturas conversam, ainda mais quando falamos de cultura cacaueira. Um forte exemplo é a produção em consórcio do cacau com o coco, presente no sul da Bahia”, disse Vanuza, destacando a participação do diretor da APEX - Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos , Lucas Fiuza, que levou ao evento dicas importantes sobre exportação e ampliação comercial. “ Tive o prazer de conversar com o Fiuza, e saber mais sobre o PEIEX, que é um programa que visa capacitar gratuitamente produtores interessados em exportar. Levarei estas informações aos cacauicultores associados e traremos a APEX para perto da ANPC”, completou Vanuza que já deu inicio a conexão com a agência.

Na última segunda-feira (05), a presidente da ANPC, se reuniu com consultores da APEX em uma conferência online, que se dividiu em dois turnos. Pela manhã foi explanado pelos técnicos aspectos da coletividade para exportação com o objetivo de se apresentar estudo de mercado comprador mundial para o cacau brasileiro, já no turno da tarde o foco foi no entendimento sobre o programa PEIEX, este visando a certificação individual de cada produtor para o processo de exportação do cacau.

“ Depositamos uma boa expectativa nesta parceria. A APEX tem muitas informações valiosas para passar aos nossos associados. Eles somam ao nosso entendimento de que há vida fora do mundo de compra e venda que rege a Cargill, Olam e Barry, ou seja há milhares de compradores lá fora que estão à espera de que os olhos dos nossos cacauicultores sejam abertos, pois o nosso cacau é bom e é reconhecido e valorizado pelo mundo. Precisamos seguir o caminho.”, concluiu Vanuza.

Os membros associados da ANPC que tenham interesse de se cadastrar no programa PEIEX contarão com o suporte técnico e gratuito de profissionais gabaritados, com experiência em comércio exterior e economia internacional.

Fonte: Ascom ANPC

Por Caliana Mesquita

Comments


bottom of page